Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Anabela Mota Ribeiro

Joana Vasconcelos (exp. Versalhes)

17.02.19
Não serão servidos brioches em Versalhes. Mas pastéis de nata, sim. Ministro Álvaro e estratégias de internacionalização do que é nacional e bom à parte. O menu está decidido? “ O Avillez é que sabe”. O Avillez é o José Avillez, uma estrela Michelin no (...)

Joaquim Pires de Lima

17.02.19
Joaquim Pires de Lima, advogado. O filho de um homem do Regime que virou à esquerda e tresmalhou. O estóico que venceu as limitações do físico e não limitou a vida a uma cadeira de rodas. A incrível história de um homem que viveu de perto a História portuguesa das (...)

Sérgio Godinho

17.02.19
Sérgio Godinho, o experimentador. Poeta, além de escritor de canções, performer, realizador, desenhador, homem dos sete instrumentos. Interventor. Escreveu canções que todos sabemos de cor (Com um Brilhozinho nos Olhos, A Noite Passada, Liberdade, É Terça-Feira, (...)

Maria Manuel Leitão Marques

17.02.19
A entrevista revela um quadro social e um tempo. O tempo em que o alfaiate ia a casa e os linhos de melhor qualidade chegavam por um portador. O tempo em que Coimbra fervilhava em torno da associação académica, do teatro, do cinema, da política. Maria Manuel Leitão (...)

Isabel Soares (s/ Mário Soares)

16.02.19
Vive rodeada de livros, memórias, flores – nessa semana eram amarílis. Vive uma vida que é sua. Durante muito tempo viveu uma vida que se confundiu com a vida do país. Isabel Soares era a filha do oposicionista Mário Soares. Num célebre triângulo de Entrecampos, (...)

Maria do Rosário e Roberto Carneiro

16.02.19
Sim, falámos do álbum de família, com nove filhos, uma Babilónia ao almoço. Mas antes disso há a vida política, a vivência religiosa, as famílias de origem que contribuíram decisivamente para a sua formação, o piano que tocaram (pouco) a quatro mãos. Há uma (...)

Berlim, cidade dos anjos

16.02.19
Começo por Potsdamer Platz. É um aglomerado de edifícios cuja arquitectura fere por ser tão exuberante. Não há vestígios do tempo (recente) em que esta era uma terra de ninguém. Nem do outro, mais longínquo, em que era uma das praças mais animadas da Europa, com (...)