Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Anabela Mota Ribeiro

Conceição Matos e Domingos Abrantes

13.06.19
Casaram em 1969. Mas antes disso tiveram uma vida. E depois de 74 tiveram outra. E antes dessas tiveram vidas paupérrimas, onde crescia a revolta e, estranhamente, havia espaço para a felicidade. Conceição Matos e Domingos Abrantes usam nomes ternos para chamar o outro. (...)

Isabel Soares (s/ Mário Soares)

23.04.19
Vive rodeada de livros, memórias, flores – nessa semana eram amarílis. Vive uma vida que é sua. Durante muito tempo viveu uma vida que se confundiu com a vida do país. Isabel Soares era a filha do oposicionista Mário Soares. Num célebre triângulo de Entrecampos, (...)

Rui Tavares

01.04.19
É um rapaz de Lisboa que é eurodeputado em Bruxelas. É um opinador que não tem muitas opiniões. Um historiador que espera reformar-se a ler e a traduzir Plutarco. Rui Tavares nasceu em 1972. A sua é a ínclita geração que cresceu em liberdade. E se ele achasse (...)

Maria Manuel Leitão Marques

21.03.19
A entrevista revela um quadro social e um tempo. O tempo em que o alfaiate ia a casa e os linhos de melhor qualidade chegavam por um portador. O tempo em que Coimbra fervilhava em torno da associação académica, do teatro, do cinema, da política. Maria Manuel Leitão (...)

José Medeiros Ferreira

16.03.19
José Medeiros Ferreira é historiador e político. Considera-se, ou gostaria de ser, um daqueles “seres erráticos”, que percorrem o mundo, de que fala Teixeira de Pascoaes no livro sobre S. Paulo. O livro O Longo Curso reúne uma série de estudos em sua homenagem. M (...)

Elisa Ferreira

07.03.19
Jantámos no Pabe, em Lisboa. Ela estava a chegar de Bruxelas. Se não me falha a memória, tínhamo-nos encontrado uma vez apenas, no casamento de um amigo comum. E isso parecia dar à relação uma intimidade que ela não tinha, e não tem. É uma mulher amável, que eu (...)

Júlio Pomar e Mário Soares

08.12.18
Como é que é quando dois velhos amigos se encontram? “Velhos?!”, graceja Júlio Pomar. Como é que é quando dois homens que se conhecem há coisa de 70 anos se reencontram? Fizeram-se amigos numa altura em que respirar e reagir eram quase sinónimos. Foram opositores (...)